terça-feira, 23 de agosto de 2011

Fim de Semana de Nostagia com a AIESEC Brasília

Domingo passado, dia 21 de agosto, foi o dia do Alumni da AIESEC Brasíllia e todos os ex-LCPs foram convidados para falar sobre suas experiências na AIESEC.

Traduzindo:
AIESEC: organização internacional de intercâmbio (http://www.aiesec.org.br)
AIESEC Brasília: escritório da AIESEC em Brasília (http://aiesec.org.br/site/escritorio/brasilia/)
Alumni: ex-membros da AIESEC
LCP: Local Committee President (Presidente do Comitê Local)

Continuando

Os ex-LCPs foram divididos em 3 blocos:
- de 95 a 2000: o começo (nós, os dinossauros)
- 2001 a 2007: a consolidação
- 2007 a 2001: a continuação

LCPs de cada ano falaram como foram suas épocas, dificuldades, histórias engraçadas e o que a AIESEC representou em nossas vidas.

Do primeiro bloco, estávamos eu e a Melissa, representando os LCPs da primeira geração da AIESEC, os que ajudaram a construir a AIESEC em Brasília. Tudo começou com a Carla Perdiz que, por 3 anos, trabalhou sozinha para trazer a AIESEC para Brasília.


Eu entrei na AIESEC em 1998 para organizar o Ciclo de Conferências. Um evento com o objetivo de apresentar a AIESEC no meio universitário e estudantil. Em 99, fui o Diretor de Relações Corporativas na gestão da Denise e do Pedro. Em 2000, eu e Débora fomos os presidentes da AIESEC Brasília.

A AIESEC foi uma das mais importantes experiências da minha vida. Foi na AIESEC que minha carreira como designer teve início. Quando fui selecionado para organizar o Ciclo, não tínhamos nenhum designer na AIESEC, que entendesse de Corel e programas de criação gráfica. Então, o jeito foi sentar em frente ao computador e começar a trabalhar, foi quando criei a primeira marca na minha vida, assim como, as primeiras peças gráficas: folders, certificados, cartazes. Utilizava Corel, Power Point, o que me ajudasse a desenvolver e chegar no resultado.


 



Ou seja, devo muito a AIESEC. Então, foi uma honra ter estado presente neste evento tão importante e poder contar um pouquinho da nossa história, do significado da AIESEC na minha vida. Eu entrei na AIESEC um Christian; saiu outro Christian, totalmente diferente. Sem contar as amizades e pessoas que conheci e que fazem parte da minha vida até hoje.

Hoje, sou designer e trabalho no que eu gosto, pois um dia, participei de uma organização que me mostrou que meu caminho, sou eu quem faz.

Obrigado, AIESEC Brasília, pelo convite e conte sempre comigo.

Algumas fotos da minha época de AIESEC:







Red Kisses,

Chris, The Red
Postar um comentário